Última hora

Última hora

Turquia: Erdogan com o país na mão

Em leitura:

Turquia: Erdogan com o país na mão

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan foi eleito este domingo como o líder do partido no poder, o Partido da Justiça e Desenvolvimento.

Afastado durante 998 dias por ter sido eleito presidente, Erdogan volta agora a estar à frente do partido que fundou.

Antes de entrar no 3° congresso extraordinário, Erdogan discursou, dizendo que haviam estado separados, o partido e ele, mas que voltavam agora a estar juntos. Uma alteração constitucional possível através do referendo, aprovado por pouco, feito recentemente e que permite a acumulação de poderes governativos nas mãos de Erdogan, mesmo enquanto Chefe de Estado.

Já com os olhos nas eleições locais de março, em 2019, para além das parlamentares e presidenciais em novembro, prometeu trabalho esforçado e os resultados disso nas urnas.

Prometeu ainda lutar contra os inimigos da Turquia, quer interna quer internacionalmente, enquanto o primeiro turco em 70 anos a ser simultaneamente presidente e líder de um partido político.