Última hora

Em leitura:

Mourinho nega fuga ao fisco


Espanha

Mourinho nega fuga ao fisco

José Mourinho já respondeu às acusações de fraude fiscal.

A secção de delitos económicos da procuradoria de Madrid apresentou uma denúncia contra o treinador português, por ter defraudado o Estado espanhol em 3,3 milhões de euros.

Em resposta, o técnico de futebol afirma que não recebeu qualquer notificação por parte das finanças nem do Ministério Público espanhóis por eventual fuga ao fisco, revelou, em comunicado, a Gestifute, empresa que representa o antigo treinador do Real Madrid.

A empresa revela ainda que “o Governo espanhol, através da Agência Tributária, emitiu uma certidão onde confirmava que [José Mourinho] tinha regularizado a sua situação.”

Citando a procuradoria da capital espanhola, a agência EFE dá conta de que a queixa apresentada a uma instância judicial de Alarcón se refere aos impostos sobre os rendimentos com os direitos de imagem obtidos nos anos 2011 e 2012. O ministério público espanhol calcula que os montantes ascendam a 3.304.670 euros, dos quais 1.611.537 relativos a 2011 e 1.693.133 referentes a 2012.