Última hora

Senhora de Cao morreu há cerca de 1.700 anos, depois de governar o Vale de Chicama, na região de La Libertad, no Peru, onde o seu corpo tatuado foi enterrado com armas, coroas e cobre banhado a ouro.

Agora, já se pode ver uma réplica do rosto da rainha da sociedade Mochica, Senhora de Cao.

Usando a tecnologia 3D e a arqueologia forense, a réplica foi baseada na estrutura do crânio e na pesquisa etnográfica.

O objetivo, disse o ministro da Cultura, Salvador del Solar, é aproximar o mundo de um dos grandes achados arqueológicos do Perú e lembrar aos peruanos o seu rico patrimónios cultural