Última hora

Última hora

Loeb e Kolomý em destaque no arranque do Rali Rota da Seda

A simbólica Praça Vermelha, em pleno coração de Moscovo, foi o palco da saída cerimonial do Rali Rota da Seda 2017.

Em leitura:

Loeb e Kolomý em destaque no arranque do Rali Rota da Seda

Tamanho do texto Aa Aa

A simbólica Praça Vermelha, em pleno coração de Moscovo, foi o palco da saída cerimonial do Rali Rota da Seda 2017.

Milhares de adeptos russos dos motores não deixaram passar em branco o arranque de uma das provas mais duras do calendário. A competição levará os pilotos a completar cerca de 10.000 km entre a Rússia e a China, com passagem pelo Cazaquistão. Os participantes lutam desde esta sexta-feira por marcar os melhores registos.

O primeiro a completar os 61km que separam Moscovo de Tcheboksary foi Sébastien Loeb, que terminou a especial com 29 segundos de avanço sobre Stephane Peterhansel e com mais de dois minutos de distância em relação ao também compatriota e companheiro de equipa Cyril Despres.

“Foi uma etapa bastante complicada. Havia muita lama e locais escorregadios razão pela qual tive de circular com cuidado. Foi apenas o primeiro dia e o mais importante era cruzar a linha de meta. Fizemos um bom trabalho, sem problemas”, disse Sébastien Loeb.

Nos camiões, a surpresa foi ver que os Kamaz perderam mais de quatro minutos em relação à cabeça. O checo Martin Kolomý lidera. No entanto, ainda estão prometidas muitas voltas no Rali Rota da Seda.