Última hora

Um drone depois: extradição e asilo político

Em leitura:

Um drone depois: extradição e asilo político

Tamanho do texto Aa Aa

Em Tirana, cidadãos albaneses manifestaram-se contra a decisão de um tribunal croata de extraditar Ismail Morinaj para a Sérvia. Morinaj pede agora asilo político à Croácia, depois de ter sido preso em Junho neste país, sob mandado sérvio.

O primeiro ministro albanês, bem como a federação de futebol e o ministro da justiça albaneses haviam já reagido às intenções sérvias, pedindo às autoridades croatas que não lhes dessem continuidade.

Na origem do pedido sérvio de extradição do albanês, de 35 anos, a condução de um drone com uma bandeira nacionalista albanesa num jogo de qualificação, em 2014, entre a Sérvia e a Albânia.

O jogo foi interrompido com a aparição do drone e quando um jogador sérvio tentou puxar a bandeira albanesa, a violência eclodiu.

Morinaj é natural do nordeste da Albânia, mas vive em Itália, acompanhando frequentemente as incursões internacionais da selecção albanesa.