Última hora

Em leitura:

Décimo aniversário da maior crise económica da história


mundo

Décimo aniversário da maior crise económica da história

O dia 9 de agosto assinala o décimo aniversário da maior crise económica da história.

Depois de anos de crescimento e de créditos acessíveis, bancos e instituições financeiras de todo o mundo começaram a enfrentar sérios problemas de liquidez.

O banco francês BNP Paribas foi um dos primeiros na Europa a reconhecer que não tinha dinheiro suficiente para cumprir as suas obrigações e anunciou a suspensão de três de seus fundos devido à crise do subprime.

Uma semana mais tarde (a 17 de setembro), o britânico Northern Rock admitiu ter ficado sem dinheiro. O governo decidiu nacionalizá-lo para o salvar da falência. O pânico generalizou-se e a crise do crédito tinha-se instalado no Lehman Brothers, com mais de 150 anos de história.

Dez anos depois, a Comissão Europeia faz o balanço e, embora reconheça que ainda há muita coisa pela frente, dá a crise como ultrapassada. O novo regulamento minimiza o risco dos bancos contra potenciais futuras crises.