Última hora

Última hora

George Saunders vence Prémio Man Booker

"Lincoln no Bardo" valeu ao escritor norte-americano George Saunders o Prémio Man Booker.

Em leitura:

George Saunders vence Prémio Man Booker

Tamanho do texto Aa Aa

“Lincoln no Bardo” valeu ao escritor norte-americano George Saunders o Prémio Man Booker. A obra foi considerada a melhor, de ficção em língua inglesa.

O livro, ficciona o sofrimento de Abraham Lincoln, o 16° presidente dos Estados Unidos, após a morte do seu filho.

“Vivemos um momento estranho. Dei-me conta disso. Portanto, a questão central penso que é bastante simples: respondemos ao medo com exclusão e projeção negativas da violência? Ou agarramo-nos à fé e fazemos o nosso melhor para responder com amor?”- Perguntou o escritor na cerimónia de entrega do prémio.

“Lincoln no Bardo” é o primeiro romance do autor texano, que se tem distinguido na escrita de contos e ensaios. Em Portugal, e para além deste livro, George Saunders tem editado outro, de contos “Pastorália”.