Última hora

Última hora

Centenas de militares alvo de mandados de captura

Na Turquia, mais 360 pessoas, na maioria militares, são alvo de mandados de captura numa nova operação de Ancara contra alegados apoiantes de Fethullah Gülen. É a mais recente purga do governo de Recep Tayyip Erdoğan.

Em leitura:

Centenas de militares alvo de mandados de captura

Tamanho do texto Aa Aa

Na Turquia, está em curso mais uma purga contra os apoiantes do clérigo Fethullah Gülen.

O ministério público emitiu mandados de captura contra 360 pessoas, na grande maioria militares, dos quais 216 no ativo.

Desde o golpe de Estado fracassado de julho do ano passado, as prisões de opositores multiplicaram-se. Com estas detenções e as mais de 700 da semana passada, foram já presas 50 mil pessoas e 150 mil foram afastadas dos empregos, tanto no setor público como no setor privado. O governo do presidente Recep Tayyp Erdoğan culpa Gülen e os seguidores de estarem por detrás do golpe. Este imã, opositor das políticas de Erdoğan, continua exilado nos Estados Unidos.