Última hora

Última hora

Troca de acusações após a morte de dois palestinianos

Em leitura:

Troca de acusações após a morte de dois palestinianos

Troca de acusações após a morte de dois palestinianos
Tamanho do texto Aa Aa

A morte de dois palestinianos na Faixa de Gaza está a gerar uma troca de acusações entre o exército israelita e o Ministério da Saúde do enclave palestiniano.

As autoridades de Gaza falam de um ataque aéreo, uma acusação já desmentida pelo Estado hebraico.

Os homens que seguiam numa mota foram mortos durante uma explosão. O exército israelita diz que as vítimas pertenciam a um grupo radical que estaria a prepara um ataque e que a detonação terá sido fruto de um acidente.

A tensão regressou à Faixa de Gaza no final de outubro depois de Israel ter bombardeado um túnel no enclave provocando a morte de 12 palestinianos e mais, recentemente, com o reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel por parte dos Estados Unidos.

Uma decisão que continua a ser contestada nas ruas pelos palestinianos que esta terça-feira, voltaram a envolver-se em confrontos com o exército israelita.

O escalar da tensão coloca à prova o frágil cessar-fogo instaurado em 2014 por Israel e pelo movimento radical palestiniano Hamas, que governa a Faixa de Gaza desde 2007.