Última hora

Última hora

UEFA condena incidentes que originaram morte de polícia

Em leitura:

UEFA condena incidentes que originaram morte de polícia

UEFA condena incidentes que originaram morte de polícia
Tamanho do texto Aa Aa

A UEFA condenou os incidentes antes do encontro entre o Athletic de Bilbau e o Spartak de Moscovo, da Liga Europa de futebol, dos quais resultou a morte de um polícia.

"A UEFA quer fazer chegar as suas mais sinceras condolências à família e companheiros do Ertzaina [polícia basco] falecido e condena rotundamente os episódios violentos ocorridos esta noite em Bilbau", lê-se num comunicado do organismo, enviado à agência Efe.

No mesmo documento, a UEFA revela que se mantém em contacto com as autoridades locais "para obter mais informações sobre estes incidentes".

Um elemento da polícia do País Basco morreu durante confrontos entre adeptos do Spartak Moscovo e do Athletic Bilbau, antes da partida entre as duas equipas para a Liga Europa de futebol.

O polícia da Ertzaintza (corpo de polícia basca) sofreu um enfarte durante os confrontos em Bilbau e foi transportado para o hospital de Basurto, onde viria a falecer, de acordo com fontes policiais.

Cinco pessoas foram detidas, três delas adeptos radicais do clube russo, na sequência dos confrontos.

De acordo com o departamento de Segurança do governo do País Basco, a Ertzaintza realizou várias cargas contra elementos radicais do Spartak Moscovo.

Um minuto de silêncio em todos os estádios espanhóis

A Federação Espanhola de Futebol recomendou que em todos os estádios que no próximo fim de semana recebam competições oficiais seja observado um minuto de silêncio em memória do polícia basco hoje morto.