Última hora

Última hora

Negociações difíceis entre Grécia e Turquia

Em leitura:

Negociações difíceis entre Grécia e Turquia

Tamanho do texto Aa Aa

O Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, disse que o país considerará devolver os dois militares gregos que foram detidos na Turquia se a Grécia extraditar os oito soldados turcos que procuraram proteção em solo helénico após a tentativa frustrada de golpe na Turquia, em julho de 2016.

Esta é a primeira vez que Erdogan liga diretamente os dois casos. O que faz aumentar o receio de que possam ser usados como moeda de troca.

O Presidente grego, Prokopis Pavlopoulos, não gostou da ideia: "Houve uma ligação inaceitável entre os oficiais gregos que estão detidos arbitrariamente e há muito tempo. Uma ligação com os cidadãos turcos que vieram para a Grécia e solicitaram asilo. O que foi concedido - e enfatizo - através aplicação das leis internacionais. São dois casos diferentes e qualquer confusão é impensável. "

O Ministro grego da Defesa Nacional, Panos Kammenos. reagiu através do tweet e lembrou que quando falou da situação dos soldados gregos recebeu "escárnio". Tendo acrescentado que "a Grécia deseja uma coexistência pacifica entre os dois países" e que "a libertação imediata dos reféns é a solução".