Última hora

Última hora

Toronto: "Ele tentou atropelar todos os que tinha à frente"

Em leitura:

Toronto: "Ele tentou atropelar todos os que tinha à frente"

Tamanho do texto Aa Aa

As testemunhas do ataque em Toronto contaram como o condutor subiu o passeio e investiu contra os peões. O atropelamento teve lugar durante a hora do almoço, quando a zona estava cheia de pessoas.

"Ele subiu o passeio e começou a atropelar todas as pessoas que conseguia," contou um homem à agência Reuters.

"Atingiu toda a gente no passeio, toda a gente que estivesse no caminho dele, na paragem de autocarro, ficou tudo partido. Estava lá uma senhora, ele viu-a, parou e foi atrás dela. Vi as pessoas a cair, uma por uma".

Uma jovem conta, na companhia do marido, como viu tudo a acontecer:

"Estava no Starbucks e vi a carrinha branca a subir o passeio. E as pessoas gritaram, a dizer para ele parar o carro. Ma s ele não parou, continuou a acelerar."

Um grupo de colegas de trabalho estava num dos vários restaurantes onde comem os empregados do escritório. Quando chegaram cá fora, havia corpos no chão:

"Estavamos a almoçar, viemos pra fora e vimos aquela gente toda, uma multidão dos dois lados da rua. E vimos quatro corpos no chão. A polícia e a ambulância ainda não tinham chegado. Tentámos reanimar as pessoas, mas em vão."