Última hora

Última hora

Snowden retira pedido de asilo à Rússia

Em leitura:

Snowden retira pedido de asilo à Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Edward Snowden retirou o pedido de asilo feito à Rússia mas continua no aeroporto de Moscovo.

Segundo o site WikiLeaks, Snowden pediu asilo político a 21 países. Segundo o Kremlin, foram apenas 15.

A Polónia, que confirma ter recebido um pedido que não respeita, contudo, os requisitos legais, já fez saber que, de qualquer forma, não tenciona conceder asilo ao homem que denunciou as escutas norte-americanas.

Menos perentória foi, por exemplo, a Noruega, que confirma apenas ter recebido o pedido, sem avançar com qualquer decisão.

Esta segunda-feira, Vladimir Putin tinha-se declarado disposto a conceder asilo político a Snowden, mas com uma condição que o ex-consultor da NSA (National Security Agency, A agência norte-americana de segurança) não parece disposto a aceitar: “Que pare de causar danos aos nossos parceiros americanos, por mais estranho que isto possa parecer, saído da minha boca”, afirmou o presidente russo.

Moscovo não quer deteriorar as relações com Washington, já de si difíceis, tendo em conta as divergências sobre a Síria, tema que os dois chefes da Diplomacia discutiram, esta terça-feira, durante a cimeira Asean, no Brunei.

Mas a Rússia considera Snowden um homem livre, que poderá abandonar o país desde que apresente um passaporte válido.