Última hora

Última hora

Salão agropecuária de Paris pela higiene e segurança

Em leitura:

Salão agropecuária de Paris pela higiene e segurança

Tamanho do texto Aa Aa

A qualidade e segurança dos produtos levam, anualmente, a Paris, milhares de visitantes ao Salão Internacional de Agricultura.
Estão, em exposição, 4000 anmais, toneladas de palha, máquinas e tratores dos últimos modelos, chouriços, queijos e leite.
Uma das preocupações maiores ao nível do consumo é a identificação dos produtos em toda a cadeia alimentar. Yves Berger, diretor executivo de Interbev, explica:

“A partir do momento em que a carne é etiquetada, especificamente com a nova modalidade – carne de França- e, naquilo que nos concerne, a carne bovina, passa por toda uma série de controlos. E direi mais: o primeiro controlo, a primeira qualidade, é a paixão que leva o produtor a criar o seu animal e depois o que se passa no matadouro.”

Giovanni Magi, correspondente da euronews: “Os controlos alimentares são regulados pelas instituições europeias, e são os agentes nacionais que inspecionam e analisam os produtos, os processos de conservação e de produção”.

Em França, é a Agência Nacional de Saúde e Segurança Alimentar que aqui nos mostra como os laboratórios trabalham. Hoje, acolhe os estudantes de Verdun, que trabalham num projeto europeu de nutrição.
Um agente exemplifica: “Todas as bactérias estão envolvidas nos episódios conhecidos como TIAC, toxico-infeções alimenatres, vulgarmente coletivas. É isso que combatemos”.

Marc Mortureux, Director General, Anses: “Foram feitos progressos desde que começou a ser aplicada a nova regulamentação à escala europeia que visa, em cada etapa da cadeia alimentar, desde a origem ao nível da produção, evitar todos os riscos de contaminação. Constatamos, atualmente, uma importante baixa nas intoxicações alimentares. “

Apesar da qualidade sanitária ter melhorado, este ano têm sido denunciados vários casios de etiquetagem fraudulenta, não apenas em relação às regiões demarcadas como ao feito em França que é produzido em países terceiros, sem controlo.