Última hora

Última hora

Portugal: Ministro do Interior, Miguel Macedo, demite-se

Em leitura:

Portugal: Ministro do Interior, Miguel Macedo, demite-se

Tamanho do texto Aa Aa

O ministro português da Administração Interna, Miguel Macedo, apresentou a demissão do cargo na sequência do caso de alegada corrupção na atribuíção de vistos ‘dourados’ que está a abalar Portugal.

Apesar de não haver qualquer membro do governo investigado no âmbito da operação labirinto – de acordo com a procuradoria-geral – o ministro preferiu abandonar o cargo.

“Não sou responsável por nada do que está em causa nestas investigações, mas não desconheço que no plano político as coisas passam de uma maneira diferente”, anunciou.

A demissão acontece depois da Polícia Judiciária ter detido uma dezena de suspeitos de corrupção, lavagem de dinheiro, tráfico de influência e peculato na emissão de vistos dourados.

Algumas dessas pessoas têm ligações bastante próximas a Miguel Macedo.

Entre os 11 suspeitos, estão o diretor dos Serviços de Estrangeiros e Fronteiras, o presidente do Instituto de Registos e Notariado e a secretária-geral do Ministério da Justiça.