Última hora

Última hora

Benfica perde em São Petersburgo e diz adeus à Europa

Em leitura:

Benfica perde em São Petersburgo e diz adeus à Europa

Tamanho do texto Aa Aa

Um golo de Danny foi suficiente para deixar o Benfica fora da Europa. O português do Zenit apontou o único tento da partida, aproveitando uma assistência primorosa de Hulk, estavam decorridos 79 minutos de jogo.

Ambas as equipas entraram em campo conscientes de que o empate não servia as suas ambições mas nem por isso correram riscos para conquistar os três pontos.

E quando as duas equipas se deixam dominar pelo medo, o resultado é um espetáculo pouco interessante e sem grandes oportunidades de golo. Foi precisamente o que aconteceu no Estádio Petrovsky.

Entraram melhor os russos mas a grande oportunidade do primeiro tempo pertenceu a Sálvio. Na cara do guarda-redes, o argentino foi incapaz de bater Yuri Lodigin.

No segundo tempo o Benfica entrou melhor, mandou no jogo e construiu algumas oportunidades de golo mas falhou sempre na finalização.

A onze minutos dos noventa, Danny fez valer a velha máxima “quem não marca, sofre.” Com a defensiva benfiquista preocupada com Hulk (como sempre), o atacante português surgiu completamente isolado no coração da área e fuzilou de primeira Júlio César.


O Benfica ainda tentou reagir mas a cabeça não acompanhou o coração. O único facto digno de registo prende-se com a expulsão de Luisão por acumulação de amarelos ao cair do pano.

No outro jogo do grupo C, o Mónaco foi a Leverkusen vencer com um tento solitário de Lucas Ocampos. Um resultado que deixou os monegascos na segunda posição e o Benfica condenado ao último lugar do grupo, sem hipóteses de qualificação para a Liga Europa. O Bayer tem lugar garantido na fase seguinte.

Hat-trick de Mandžukić coloca Atlético nos oitavos

O Atlético de Madrid está nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões e bem pode agradecer a Mario Mandžukić. O ponta-de-lança croata marcou por três vezes na goleada frente ao Olympiacos por 4-0.

A Juventus venceu na Suécia com golos de Llorente e Tévez e subiu à segunda posição do grupo A por troca com os gregos.


No grupo B, Cristiano Ronaldo selou a quinta vitória em cinco jogos do Real Madrid. O português marcou o único golo da partida em Basileia. Ludogorets e Liverpool dividiram os pontos na Bulgária e ambas as equipas têm possibilidades de seguir em frente.

Em Londres, o Arsenal garantiu um lugar entre as 16 melhores equipas do Velho Continente com uma vitória por dois golos sem resposta frente ao Dorussia Dortmund. Em Bruxelas, o Anderlecht impôs-se ao Galatasaray por dois golos sem resposta e garantiu um lugar na Liga Europa.