Última hora

Última hora

Indonésia: Equipas de resgate recuperam cadáveres de vítimas da tragédia aérea

Número de corpos resgatados aumenta. Equipa francesa chega hoje com equipamento para localizar caixas negras. Aumento brusco de altitude pode estar na origem do acidente.

Em leitura:

Indonésia: Equipas de resgate recuperam cadáveres de vítimas da tragédia aérea

Tamanho do texto Aa Aa

As equipas de resgate indonésias já recuperaram 16 cadáveres do avião da AirAsia que se despenhou no mar de Java. Um número que deverá subir nas próximas horas. As buscas prosseguem ao largo da ilha de Bornéu. Além da Indonésia participam neste esforço países como a Austrália, China, Estados Unidos, Malásia e Singapura. Esta sexta-feira chega ao local do sinistro uma embarcação com aparelhos de deteção acústica subaquática e uma equipa francesa que investiga todos os acidentes com aviões Airbus. Estes peritos têm como objetivo encontrar as caixas negras no Airbus 320-200 da AirAsia.

Os operacionais indonésios estão a trabalhar sem descanso e prometem recuperar tudo o que encontrarem, e em particular os corpos e os bens dos ocupantes do voo QZ8501.

Ontem foi a enterrar a primeira vítima do acidente aéreo a ser identificada. Uma mulher que viajava com o marido, um filho e a sogra.

O avião da AirAsia despenhou-se no domingo com 162 pessoas a bordo. Há rumores de que uma ascensão demasiado rápida, a uma velocidade abaixo do exigido, pode ter conduzido à perda de sustentação do aparelho.