Última hora

Última hora

Negociações em contra-relógio antes da cimeira de Minsk

Os conselheiros diplomáticos dos dirigentes da Rússia, Ucrânia, França e Alemanha, encontram-se esta noite em Minsk com representantes da Organização

Em leitura:

Negociações em contra-relógio antes da cimeira de Minsk

Tamanho do texto Aa Aa

Os conselheiros diplomáticos dos dirigentes da Rússia, Ucrânia, França e Alemanha, encontram-se esta noite em Minsk com representantes da Organização para a Segurança e Cooperação da Europa (OSCE) para preparar a cimeira de quarta-feira, num derradeiro esforço para conseguir um cessar-fogo que ponha fim a uma guerra que já fez 5.500 mortos em 10 meses no Leste da Ucrânia.

As duas partes envolvidas mantêm posições inconciliáveis quanto ao estatuto dos territórios e ao controle da fronteira russo-ucraniana nas zonas dominadas pelos rebeldes. A Ucrânia insiste no respeito da linha da frente estabelecida em setembro na capital da Bielorússia, enquanto os separatistas não querem abrir mão dos 500 km2 de território que entretanto conquistaram.

O presidente francês François Hollande, que se deslocará na quarta-feira a Minsk com a chanceler alemã Angela Merkel, para acompanhar as negociações entre o presidente russo Vladimir Putin e o seu homólogo ucraniano Petro Poroshenko, declarou esta terça-feira a “firme vontade” de conseguir um acordo de paz.

“Temos de fazer tudo o que estiver ao nosso alcance – a chanceler Merkel e eu próprio tentaremos, até ao último momento, alcançar um acordo, uma solução global”, disse Hollande.

Com os rebeldes pró-russos e o exército ucraniano empenhados em conseguir o máximo de território antes da cimeira, esta terça-feira pelo menos vinte pessoas perderam a vida no Leste da Ucrânia.
O quartel-general do exército em Kramatorsk, a 70 km do centro rebelde de Donetsk, foi atingido por lança-mísseis Tornado.

Vladimir Putin, Petro Porochenko, François Hollande e Angela Merkel, terão a noite de quarta-feira para trabalhar um texto comum antes do conselho europeu de quinta-feira em Bruxelas.