Última hora

Em leitura:

SwissLeaks: Suíça investiga HSBC


Suíça

SwissLeaks: Suíça investiga HSBC

As autoridades suíças efetuaram esta quarta-feira buscas na sede do HSBC Privat Bank, em Genebra.

A filial suíça do banco britânico HSBC é alvo de uma investigação criminal na sequência do escândalo “SwissLeaks”, um alegado esquema de lavagem de dinheiro revelado, há dez dias, por um grupo de jornalistas de investigação de vários países.

O procurador-geral Oliver Jornot explica que “o objetivo do inquérito é verificar se as informações tornadas públicas têm fundamento e se existem realmente razões para criticar o banco ou pessoas físicas, sejam colaboradores ou clientes”.

O caso “SwissLeaks” foi tornado público por um consórcio internacional de jornais, liderado pelo diário francês Le Monde.

As revelações abarcam informações relativas a mais de 100 mil clientes de várias nacionalidades e 20.000 sociedades “off-shore” que, entre novembro de 2006 e março de 2007, terão feito passar pelo HSBC de Genebra cerca de 100 mil milhões de dólares.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte

mundo

Defesa de Strauss-Kahn diz que "o caso caiu por si próprio"