Última hora

Em leitura:

Marroquino suspeito de fornecer armas para ataque ao museu Bardo


Tunísia

Marroquino suspeito de fornecer armas para ataque ao museu Bardo

As autoridades tunisinas acreditam que o marroquino detido na quarta-feira em Itália foi o fornecedor do armamento para o mortífero ataque ao museu Bardo em Tunis em março.

Uma fonte tunisina, citada pela agência Reuters, afirmou que Abdelmajid Touil passou o armamento pela Líbia em fevereiro e depois regressou a Itália num barco de migrantes clandestinos.

As suspeitas tornam-se mais consistentes para os investigadores ao saber-se que a mãe tem residência em Itália, o que permite ao marroquino de 22 anos entrar livremente no país sem ser num barco de migrantes. Os Italianos afirmam ter 99 por cento de certeza de que Touil estava em Itália no dia dos ataques em Tunis que fizeram 21 mortos.

A mãe do homem detido e que é agora procurado pela Tunísia afirma que o filho está inocente.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte

mundo

Ambições espaciais russas com grandes desafios pela frente