Última hora

Última hora

Imigração: mais de 200 desaparecidos após naufrágio ao largo da Líbia

Mais de 200 pessoas estão dadas como desaparecidas depois do naufrágio de um barco de pesca ao largo da costa líbia, que transportava mais de 600

Em leitura:

Imigração: mais de 200 desaparecidos após naufrágio ao largo da Líbia

Tamanho do texto Aa Aa

Mais de 200 pessoas estão dadas como desaparecidas depois do naufrágio de um barco de pesca ao largo da costa líbia, que transportava mais de 600 imigrantes que tentavam atravessar o Mediterrâneo para chegar à Europa.

Segundo a guarda-costeira italiana, os sete navios que participavam na operação de resgate, entre os quais uma embarcação militar irlandesa, puderam resgatar perto de 400 imigrantes. Vinte e cinco corpos foram recuperados sem vida.

Melissa Fleming, diretora de Comunicações da Agência da ONU para os Refugiados, explica que “o barco enviou o sinal [de emergência] e (…) quando viram chegar o resgate, houve um movimento de pânico e a embarcação virou, com consequências trágicas”.

Segundo a Organização Internacional para as Migrações, no passado fim-de-semana foi ultrapassada a fatídica barreira dos 2000 mortos e desaparecidos no Mediterrâneo desde o início do ano. Nos próximos dias, o número de imigrantes que chegaram em 2015 de forma clandestina, pelo mar, às costas de Itália e da Grécia deverá atingir os 200.000.