Última hora

Última hora

Andrzej Duda toma posse como novo Presidente da Polónia e apela à NATO

Ligado ao atual partido da oposição ao Governo, Duda é o sexto chefe de Estado polaco desde a queda do comunismo, em 1989, e sucede a Bronislaw Komorowski, que venceu, na segunda volta das presidencia

Em leitura:

Andrzej Duda toma posse como novo Presidente da Polónia e apela à NATO

Tamanho do texto Aa Aa

O recém-eleito presidente da Polónia jurou finalmente respeito à Constituição e foi empossado, esta quinta-feira, em Varsóvia.

Eleito no final de maio, na segunda volta das presidenciais, derrotando o anterior chefe de Estado, Andrzej Duda, de 43 anos, assume a presidência um dia após a Polónia aprovar nova legislação sobre os empréstimos em francos suíços que ameaça pressionar o setor bancário — já está inclusive a pressionar a banca portuguesa através do BCP.


(“Estou muito grato àqueles que confiaram em mim. Muito obrigado”)


A figura de Presidente tem poderes limitados na Polónia, mas Duda pode usar a posição para ajudar o seu partido, o conservador Lei e Justiça (PiS), nas eleições parlamentares polacas marcadas para outubro. No primeiro discurso, o novo presidente salientou a importância de uma boa cooperação com o governo, o que seria reforçado se o PiS derrotasse o partido da Plataforma Cívica (PO), atualmente no poder. Duda defendeu ainda um reforço das garantias de segurança, o aumento da presença da NATO no país e um ajustamento das políticas externas.

Sexto presidente da Polónia desde a queda do comunismo, Duda e a nova primeira-dama da Polónia, Agata, foram cumprimentados pelos antecessores, Bronislaw Komorowski e a mulher Anna.