Última hora

Última hora

Mais 613 migrantes resgatados no Mediterrâneo

Seis centenas de migrantes foram resgatados esta quinta-feira no mar Mediterrâneo perto do local onde na véspera terão morrido perto de duzentas

Em leitura:

Mais 613 migrantes resgatados no Mediterrâneo

Tamanho do texto Aa Aa

Seis centenas de migrantes foram resgatados esta quinta-feira no mar Mediterrâneo perto do local onde na véspera terão morrido perto de duzentas pessoas. Dois barcos de organizações humanitárias encontraram ao largo da Líbia um navio em mau estado que balançava de forma perigosa. No interior encontravam-se 613 migrantes. Um número que colocava em perigo a estabilidade da embarcação. Para proceder ao salvamento foi necessário convencer os ocupantes que sabiam nadar a saltar para a água.

Os dois navios das ONGA Médicos Sem Fronteiras e Moas encontravam-se na zona onde 24 horas antes, um barco em condições semelhantes acabou por se virar e afundar-se porque os ocupantes se concentraram num lado perante aproximação de um navio da marinha irlandesa. A operação de quarta-feira permitiu resgatar 373 migrantes vivos e 25 corpos. De acordo com os sobreviventes haveria seis centenas de pessoas a bordo. Mas ontem não foram encontrados mais corpos. Desde o início do ano morreram mais de duas mil pessoas a tentar cruzar o Mediterrâneo. O ACNUR estima que 137 mil migrantes conseguiram efetuar a travessia no primeiro semestre do ano.