Última hora

Última hora

Vuelta 2015, etapa 4: Valverde vence ao "sprint" e Cardoso cai dois lugares

Lusa — O espanhol Alejandro Valverde (Movistar) venceu esta terça-feira a 4.a etapa da Volta a Espanha em bicicleta, em Vejer de la Frontera.

Em leitura:

Vuelta 2015, etapa 4: Valverde vence ao "sprint" e Cardoso cai dois lugares

Tamanho do texto Aa Aa

Lusa — O espanhol Alejandro Valverde (Movistar) venceu esta terça-feira a 4.a etapa da Volta a Espanha em bicicleta, em Vejer de la Frontera. O português José Gonçalves (Caja Rural) ficou perto do triunfo e acabou por ser o quinto a cortar a meta.

Naquela que foi a etapa mais extensa da edição de 2015 da “Vuelta”, com 209,6 quilómetros, o ciclista de Múrcia acabou por ser o mais forte na rampa final, terminando a etapa em 5h07m30seg.

Na subida final, com uma inclinação a rondar os 14 por cento, o irlandês Nicolas Roche (Sky) tentou surpreender com um ataque ainda longe da meta, mas nos derradeiros 400 metros perdeu andamento. A cerca de 100 metros da linha de chegada acabou por ser ultrapassado por Valverde. Ao seu jeito, o espanhol acelerou para garantir o triunfo em Vejer de la Frontera.

Para trás, o espanhol deixou o vencedor da tirada de segunda-feira, o eslovaco Peter Sagan (Tinkoff-Saxo) e o espanhol Dani Moreno (Katusha), segundo e terceiro classificados, respetivamente. Com o mesmo tempo do vencedor terminou o português José Gonçalves, ultrapassado já bem perto da meta.

Um pouco mais atrasados, a 11 segundos do grupo vencedor, chegaram os portugueses André Cardoso (Cannondale-Garmin) e Nelson Oliveira (Lampre-Merida), 27.º e 29.º, sendo que Ricardo Vilela (Caja Rural) concluiu a etapa a 1,10 minutos, na 52.ª posição, enquanto Tiago Machado (Katusha) chegou a 3,39 minutos, na 89.º posição, e Sérgio Paulinho (Tinkoff — Saxo) foi um dos últimos a cruzar a meta, perdendo 8,08 minutos.

No que diz respeito à classificação geral, a liderança da prova continua na posse do colombiano Esteban Chaves (Orica-GreenEDGE), que segue com cinco segundos de vantagem sobre o holandês Tom Dumoulin (Giant-Alpecin) e 12 face a Roche.

Quanto aos portugueses, o melhor classificado continua a ser André Cardoso, que esta terça-feira caiu dois lugares, para o 19.º, e segue a 1,15 minutos de Chaves. Mais atrasados seguem José Gonçalves, no 35.º posto, a 3,01 minutos do líder, e , na 38.ª posição, Ricardo Vilela, a 3,18 minutos.

Na quarta-feira, a quinta etapa vai ligar Rota a Alcalá de Guadaíra, na extensão de 167,3 quilómetros, com uma rampa no último quilómetro.