Última hora

Última hora

Inglaterra e Fiji inauguram mundial de râguebi

O 15 da Rosa vai dar o tudo por tudo para se impor neste jogo de abertura, no mundial que organiza.

Em leitura:

Inglaterra e Fiji inauguram mundial de râguebi

Tamanho do texto Aa Aa

A menos de um dia de receber as ilhas Fiji no jogo inaugural do mundial de râguebi, a Inglaterra, seleção anfitriã, espera entrar a vencer. Afinal, esta é talvez a única oportunidade que o atual plantel vai ter de vencer um jogo de abertura de um mundial naquela que é a casa do râguebi inglês, o estádio de Twickenham, em Londres.

Dan Cole, pilar da equipa da Rosa, compara as ilhas Fiji com a Irlanda, atual bicampeã do torneio das seis nações e uma das favoritas: “Fiji representa para nós uma ameaça diferente do que para a Irlanda, mas trabalhámos muito o nosso jogo, vamos dar o nosso melhor face às equipas que defrontamos ao longo do torneio e podemos aproveitar bem os lances de bola parada. Precisamos de estar ao nosso melhor”.

A Inglaterra vai ainda defrontar as equipas do País de Gales e da Austrália, também favoritas. O grupo A fica completo com o Uruguai.

As ilhas Fiji têm vindo a ocupar um lugar cada vez mais importante no râguebi mundial, mas mesmo assim a Inglaterra é claramente favorita. Venceu os últimos cinco jogos particulares entre as duas equipas. É uma seleção que os ingleses conhecem bem, até porque alguns dos principais jogadores atuam no campeonato inglês.

Este é um jogo em que a Inglaterra vai tentar capitalizar os pontos de bónus, atribuídos sempre que faz pelo menos quatro ensaios num encontro. Mas Nemani Nadolo e outras estrelas presentes na equipa de Fiji vão tentar estragar-lhes a festa.