Última hora

Última hora

Maré de migrantes chega à Croácia

Já são mais de 5 mil os migrantes que entraram na Croácia desde que a Hungria fechou as fronteiras. A informação foi avançada pela polícia

Em leitura:

Maré de migrantes chega à Croácia

Tamanho do texto Aa Aa

Já são mais de 5 mil os migrantes que entraram na Croácia desde que a Hungria fechou as fronteiras.

A informação foi avançada pela polícia fronteiriça croata numa altura em que os candidatos a asilo procuram outros caminhos pelos Balcãs, para contornar os portões europeus húngaros encerrados.

Aquele que é o mais novo membro da União Europeia, não impede a circulação dos migrantes, mas o país seguinte, a Eslovénia, já faz parte do Espaço Schengen. Ljubljana anunciou que não vai criar um corredor humanitário, mas que recebe pedidos de asilo.

Em Zagreb, um hotel foi transformado em centro de acolhimento. Para muitos, é apenas um local para descansar antes de seguirem viagem, o destino ainda está a muitos quilómetros de distância, cheios de obstáculos.

“Antes vocês diziam-nos que a Croácia é um sitio muito bom, bom para asilo, mas agora que aqui estou, isto não é bom para asilo. Um mês, cem kunas? A comida não é boa, esparguete, macarrão todos os dias! O asilo não é bom, aqui. Eu vou para a Alemanha, porque a Alemanha é muito boa!”, afirma um migrante na capital croata.

Mais migrantes continuam a chegar à Croácia, muitos com o centro da Europa como destino.