Última hora

Última hora

Clima e extremismo dominam cimeira da Commonwealth em Malta

O clima e a luta contra o extremismo dominam a cimeira dos países da Commonwealth, reunidos esta sexta-feira em Malta. Uma reunião marcada antes de

Em leitura:

Clima e extremismo dominam cimeira da Commonwealth em Malta

Tamanho do texto Aa Aa

O clima e a luta contra o extremismo dominam a cimeira dos países da Commonwealth, reunidos esta sexta-feira em Malta.

Uma reunião marcada antes de mais pela deslocação da rainha Isabel II à ilha, quando a Casa Real britânica tem vindo a limitar as viagens ao estrangeiro da monarca com 89 anos de idade.

Os representantes dos 53 países que formam a comunidade, uma herança do Império britânico, vão discutir o tema das mudanças climáticas, na véspera do início da Cimeira do Clima em Paris.

Em Malta, Isabel II inaugurou a reunião:

“Com este encontro, esta comunidade vai voltar a mostrar a sua liderança, de forma prática e num conjunto de temas globais de forma a elaborar uma contribuição importante para os nossos membros. Desejo-vos sucesso na concretização destes desafios”.

Uma viagem simbólica para o casal real britânico, que tinha vivido os primeiros anos de matrimónio na ilha de Malta, no início dos anos cinquenta.

Entre os temas em cima da mesa da cimeira da Commonwealth encontra-se igualmente o combate contra o extremismo.

O primeiro-ministro britânico David Cameron anunciou a criação de um grupo, dentro da organização, encarregue de combater a propagação das idelogias extremistas.