Última hora

Última hora

Ataques bombistas matam dezenas no Curdistão sírio

Os ataques simultâneos destruíram três restaurantes na cidade de Qamishli, no nordeste da Síria.

Em leitura:

Ataques bombistas matam dezenas no Curdistão sírio

Tamanho do texto Aa Aa

Ataques bombistas simultâneos em três restaurantes do Curdistão sírio fizeram pelo menos 31 mortos e várias dezenas de feridos. Pelo menos um dos ataques foi suicida.

A área onde se deram os atentados tem um controlado partilhado entre o YPG (forças curdas que combatem o grupo Estado Islâmico) e o regime de Bashar el-Assad.

Qamishli fica no nordeste da Síria, junto à fronteira com a Turquia. O ataque partiu, com quase toda a certeza, do grupo radical Estado Islâmico, que recentemente perdeu pontos para as forças curdas, na Síria e no Iraque.

Os atentados aconteceram pouco depois de os curdos terem expulsado o Daesh de dois locais perto de Qamishli.

As imagens divulgadas na Internet mostram os restaurantes completamente destruídos. Um deles situava-se num bairro de maioria cristã.