This content is not available in your region

Catalunha: Artur Mas sai de cena para viabilizar governo independentista

Access to the comments Comentários
De  João Peseiro Monteiro  com AFP, EFE
Catalunha: Artur Mas sai de cena para viabilizar governo independentista

<p>Artur Mas dá um passo ao lado para a Catalunha dar um passo em frente. Estas foram as palavras do presidente do governo regional ao anunciar que não se apresenta a uma nova investidura. Mas cedeu à pressão da esquerda radical independentista que exigia a sua saída para apoiar um governo separatista.</p> <p>“Vou deixar claro desde o princípio que para mim é uma decisão que tem uma componente dolorosa, mas estou muito tranquilo – afirmou Artur Mas. A pessoa que eu proponho para ser candidato à presidência do governo é o atual edil de Girona e presidente da associação dos municípios para a independência, Carles Puigdemont.” A investidura do antigo jornalista está agendada para este domingo.</p> <p>As eleições regionais de setembro não deram a maioria absoluta a nenhum partido. A coligação Juntos pelo Sim, liderada por Artur Mas, precisa dos votos da <span class="caps">CUP</span> para somar uma maioria absoluta independentista. Há três meses que as negociações se eternizavam. Se até este domingo ninguém cedesse e não fosse aprovado um governo regional, teriam de ser convocadas novas eleições. Os independentistas têm como projeto a secessão de Espanha nos próximos 18 meses.</p>