Última hora

Última hora

Bruxelas: Reis da Bélgica visitam vítimas dos atentados. 21 são portugueses

Os reis da Bélgica visitaram, esta quarta-feira de manhã, o hospital Erasme na companhia do primeiro-ministro, Charles Michel. Pelo menos 21 feridos são portugueses, informou o secretário de Estado da

Em leitura:

Bruxelas: Reis da Bélgica visitam vítimas dos atentados. 21 são portugueses

Tamanho do texto Aa Aa

Antes do minuto de silêncio em memória dos que morreram nos atentados de Bruxelas, os reis da Bélgica visitaram, esta quarta-feira de manhã, o hospital Erasme na companhia do primeiro-ministro, Charles Michel.

Point of view

"Há provavelmente entre mortos e feridos mais de 40 nacionalidades diferentes."

Os ataques no aeroporto e na estação de metro que serve as instituições europeias fizeram mais de 270 feridos. Pelo menos 21 são portugueses, informou o secretário de Estado das Comunidades, José Luís Carneiro.

Com algumas vítimas ainda por identificar, a diplomacia belga já informou que “há provavelmente entre mortos e feridos mais de 40 nacionalidades diferentes”. Só neste hospital de Anderlecht, que recebeu menos de duas dezenas de feridos, um médico informa que há um inglês, um japonês e um francês hospitalizados, adiantando que alguns dos feridos estão em estado crítico, com lesões semelhantes a “ferimentos de guerra”.

Depois do hospital Erasme, o casal real marcou presença no minuto de silêncio respeitado pelos funcionários das instituições europeias e a seguir deslocou-se a um dos locais dos atentados, no aeroporto, antes de visitar um hospital militar onde estão mais vítimas deste novo ato de barbárie do terrorismo.