Última hora

Em leitura:

Hezbollah anuncia morte de um dos seus principais comandantes

mundo

Hezbollah anuncia morte de um dos seus principais comandantes

Publicidade

O movimento xiita libanês, Hezbollah, anunciou a morte de um dos seus principais chefes militares, Mustafa Badreddine.

Segundo um comunicado divulgado pelo grupo, o militar teria sido morto na passada terça-feira durante um ataque contra uma das bases do grupo situada próximo ao aeroporto de Damasco.

Mustafa Badreddine era um de cinco elementos do movimento xiita acusados da morte do antigo primeiro-ministro libanês, Rafic Hariri em 2005, em Beirute.

A acusação foi avançada pelo Tribunal Especial para o Líbano, criado pela ONU em 2007, que considerou Badreddine como um de cinco mentores e executores do assassinato.

Badreddine era um dos militares de patente mais elevada do grupo xiita e responsável pelas operações na Síria onde combatia ao lado das forças do presidente sírio Bashar al-Assad.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte