Última hora

Em leitura:

Cannes:Drama social vence Palma d'Ouro

mundo

Cannes:Drama social vence Palma d'Ouro

Publicidade

Noite Óscares em Cannes. Contrariando a maior parte das previsões, o júri presidido por George Miller atribuiu a Palma de Ouro ao filme I, Daniel Blake, um drama social e uma vitória inesperada para o realizador, Ken Loach.

“O que é especial em Cannes é que torna os filmes importantes. E vimos aqui na apresentação desta noite. Havia pessoas tão apaixonadas, não só sobre filmes mas por filmes enquanto meio de comunicar alguma coisa.”

O prémio melhor realizador foi para Cristian Mungiu partilhado com com Olivier Assayas.

“Para ser honesto, há tantos bons realizadores que nunca ganharam a Palma de Ouro, nuncam receberam um prémio em Cannes e fazem filmes maravilhosos. Sinto um pouco de culpa por obter tantos prémios em Cannes.”

O Grande Prémio do Júri vai para o filme “Apenas o Fim do Mundo” de Xavier Dolan, adaptado da peça homónima de Jean-Luc Lagarce, sobre uma família em aguda crise de relações.

O enviado da euronews comenta: “Este é um recorde inesperado, mas ninguém encontrou nada de errado com a segunda Palma d’Ouro de Ken Loach porque – Eu, Daniel Blake, é um filme forte e comprometido, que defende os pequenos e denuncia a política de austeridade. Um filme atual e que mostra que o cinema, especialmente em Cannes, não é só estrelas e entretenimento “.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte