Última hora

Em leitura:

Rei da tailândia celebra 70.º aniversário da chegada ao trono

mundo

Rei da tailândia celebra 70.º aniversário da chegada ao trono

Publicidade

A Tailândia está em festa. Faz, esta quinta-feira, 70 anos que o rei Bhumibol Adulyadej ascendeu ao trono. É o monarca há mais tempo em exercício no mundo.

As cerimónias começaram no Palácio Real de Bangueconque. Vestidos de amarelo, a cor do rei, centenas de apoiantes reuniram-se no centro histórico da capital para uma cerimónia budista, realizada por 770 monges.

O rei não esteve presente. Há vários meses que se encontra hospitalizado. A última vez visto em público foi em janeiro, numa breve visita ao palácio Chitralada da capital.
O estado de saúde do monarca é, de resto, um assunto tabu no país. Há uma lei que protege a Casa Real contra qualquer tipo de acusação e que pune quem ofender a coroa. Em agosto de 2015, um homem foi condenado a 30 anos de prisão e uma mulher a 28 após terem publicado no Facebook mensagens insultuosas dirigidas à família real.

Num país politicamente dividido, a sucessão do monarca é um tema sensível. Bhumibol Adulyadej é visto como um ser semidivino e guia da nação pela maior parte dos tailandeses.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte