Última hora

Uma galeria de arte de Nova Iorque tem em exibição o trabalho Federico Uribe. Ao invés de recorrer ao pincel, à paleta de tintas de cor e ao cavalete, o artista colombiano prefere usar objetos do quotidiano como lápis, livros ou teclas de piano para dar forma às suas ideias. A matéria-prima preferida para as suas obras de arte são, contudo, os invólucros usados de balas, os quais usa para dar “vida” a paisagens coloridas ou a esculturas de animais em tamanho real.

Publicidade
Publicidade

Mais vídeos No Comment