Última hora

Em leitura:

França prolonga estado de emergência por mais 6 meses

mundo

França prolonga estado de emergência por mais 6 meses

Publicidade

ALL VIEWS

Clique para descobrir

A Assembleia francesa votou esta quarta feira o prolongamento, pela quarta vez, do estado de urgência por mais seis meses, depois de Senado e Assembleia terem chegado a acordo.

François Hollande havia decidido o prolongamento por mais 3 meses horas depois do atentado de Nice, mas o dobro foi a deliberação em senado, aprovada por 309 votos contra 26.

No total, François Hollande quer ver mais de 40 mil pessoas mobilizadas nas próximas semanas para reforçar a segurança nacional.
Segundo o Presidente francês, a imposição de medidas securitárias extraordinárias não é incompatível com o previsto num Estado de Direito: “Um risco seria abdicarmos dos nossos direitos sem qualquer vantagem para a nossa segurança. Nunca, até ao fim do meu mandato, considerarei o Estado de Direito como um obstáculo uma vez que isso significaria o fim do Estado”, declarou.

O objectivo é mobilizar mais 3 mil reservistas a acrescer aos 12 mil já prontos e mais 28 mil pessoas actualmente com contrato com o Estado.
Há ainda a possibilidade de recurso de Hollande a 10 mil reformados de segundo nível da guarda republicana.

As praias artificiais de Paris abriram esta quarta feira já com medidas de segurança reforçadas. A margem do Sena tem agora blocos de cimento e árvores para além de veículos policiais com o intuito de travar qualquer tentativa de acesso não autorizado ao local, para além do reforço de patrulhamento local, a pé e de barco.

Esperam-se quatro milhões de visitantes no local durante o verão.

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte