Última hora

Em leitura:

Afeganistão: Atentado do Daesh faz mais de 80 mortos

mundo

Afeganistão: Atentado do Daesh faz mais de 80 mortos

Publicidade

Um atentado, durante uma manifestação pacífica em Cabul, provocou a morte de, pelo menos, 80 pessoas e ferimentos em mais de 230, de acordo com o último balanço do Ministério do Interior do Afeganistão.

Durante a manhã, milhares de manifestantes, maioritariamente da comunidade hazara xiita protestavam, quando dois homens se fizeram explodir.

O ataque suicida foi já reivindicado pelo autoproclamado Estado Islâmico.

“Ouvimos uma grande e perigosa explosão e estavam todos cobertos de sangue”, diz uma testemunha.

Outro participante da manifestação diz que “hoje saímos à rua a pedir justiça, pacificamente, mas ontem à noite o Governo avisou-nos de que saíssemos à rua nos iriam matar. E hoje mataram-nos.”

Os líderes da comunidade hazara não acreditam que tenha sido um ataque do Daesh mas uma retaliação do Governo.

A manifestação servia para protestar contra um projeto de uma linha de alta tensão que ignora o seu território, na província de Bamiyan, a menos desenvolvida do país.

Para os hazaras o traçado é um novo sinal de descriminação.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte