Última hora

Em leitura:

COI decide não banir Rússia dos Olímpicos do Rio

Desporto

COI decide não banir Rússia dos Olímpicos do Rio

Publicidade

A seleção russa vai poder participar nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, com exceção da equipa de atletismo. O Comité Olímpico Internacional (COI) decidiu este domingo não banir todos os atletas russos das competições nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, nem suspender o Comité Olímpico Russo. O COI remeteu para as federações internacionais das modalidades a decisão sobre a participação dos desportistas russos, caso a caso e segundo critérios estritos, antes dos Jogos.

A única modalidade, para já, que não contará com atletas russos nos Jogos é o atletismo.

O Comité Olímpico Russo (COR) apresentou na quarta-feira a lista dos 387 atletas que competem nos Jogos Olímpicos, adiantando-se à decisão do COI.

A lista inclui 68 atletas que apresentaram recurso junto do Tribunal Arbitral do Desporto (TAS), após a exclusão colectiva imposta pela Associação de Federações Internacionais de Atletismo (IAAF), que argumentou violações ao código antidopagem e à carta olímpica.

A lista apresentada surge em resposta às acusações que foram divulgadas no relatório independente da Agência Mundial Antidoping (AMA), elaborado pelo advogado canadiano Richard McLaren, que evidenciou a existência de um esquema organizado de doping na Rússia, organizado com o apoio do Estado e dos serviços secretos russos.

O esquema de doping funcionou de 2011 a 2015, com o envolvimento de atletas de 30 modalidades. Segundo o relatório McLaren, pelo menos 15 atletas terão sido assim ajudados a conquistar medalhas nos Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, em 2014.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte