Última hora

Família confirma morte de adolescente britânica na Síria

Morreu uma das adolescentes britânicas que em 2015 se juntou ao autoproclamado Estado Islâmico.

Em leitura:

Família confirma morte de adolescente britânica na Síria

Tamanho do texto Aa Aa

Morreu uma das adolescentes britânicas que em 2015 se juntou ao autoproclamado Estado Islâmico.

A jovem de 17 anos terá sido morta, em maio, na cidade síria de Raqqa durante um ataque da aviação russa, mas a notícia só agora foi confirmada pela família.

Kadiza Sultana estaria a pensar regressar a casa.

O advogado da família, Tasnime Akunjee, acredita que o facto de divulgar a história pode evitar que outras adolescentes cometam o mesmo erro.

As três adolescentes fazem parte de uma lista composta por cerca de 800 britânicos que decidiram integrar as fileiras dos radicais do Estados Islâmico na Síria e no Iraque.