Última hora

Em leitura:

Sul da Turquia: Bombista suicida não teria mais de 14 anos

mundo

Sul da Turquia: Bombista suicida não teria mais de 14 anos

Publicidade

O autor do atentado no sul da Turquia teria entre 12 e 14 anos. A garantia foi dada, este domingo, pelo chefe de Estado turco, Recep Tayyip Erdogan, durante uma conferência de imprensa, em Istambul.

Pelo menos 51 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas no ataque que teve por alvo um casamento curdo em Gaziantep, junto à fronteira com a Síria.

Um dos noivos era militante da formação pró curda HDP. O Partido Democrático do Povo, a terceira força política no Parlamento turco, já condenou o ataque.

A população está em estado de choque.

“Perdi amigos e vizinhos. É muito triste e a dor é grande. Trata-se de uma atrocidade. Queremos que isto acabe. Muitas mulheres e crianças perderam a vida neste ataque” afirma um habitante de Gaziantep.

O atentado da última noite, ainda, não foi reivindicado. As suspeitas recaem sobre o autoproclamado Estado islâmico, inimigo número um das forças curdas na Síria.

O ataque aconteceu horas depois do Governo turco ter anunciado que pretende envolver-se de forma mais ativa na guerra em curso no país vizinho.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte