Última hora

Em leitura:

Cruz Vermelha destaca inundações trágicas na Coreia do Norte

mundo

Cruz Vermelha destaca inundações trágicas na Coreia do Norte

Publicidade

A Cruz Vermelha Internacional diz-se “extremamente preocupada” com a situação de milhares de pessoas afetadas pelas grandes inundações registadas na Coreia do Norte.

O último balanço anunciado pela ONU contabiliza pelo menos 133 mortos e perto de 400 pessoas dadas como desaparecidas. Mas segundo a Cruz Vermelha, que pode visitar a região afetada, perto de Hoeryong, junto à fronteira nordeste do país, há pelo menos 140.000 norte-coreanos que precisam de assistência humanitária urgente.

Um porta-voz da organização explica que ainda não sabem qual a percentagem “de campos de arroz e cereais que ficaram totalmente destruídos, mas numa área onde a segurança alimentar já é normalmente precária, pode ter um impacto que resultará possivelmente num segundo desastre, nos próximos meses”.

A região norte do país enfrenta há duas semanas os efeitos das graves inundações. Segundo a Cruz Vermelha, cerca de 24.000 habitações ficaram totalmente destruídas e milhares de outras encontram-se danificadas e o risco de propagação de doenças é elevado.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte