Última hora

Em leitura:

FIAT Chrysler anuncia retirada de 1.9 milhões de carros após defeito em airbags

empresas

FIAT Chrysler anuncia retirada de 1.9 milhões de carros após defeito em airbags

Publicidade

Um defeito de fabrico nos airbags levou a Fiat Chrysler a anunciar esta noite a retirada do mercado de quase dois milhões de viaturas.

A decisão refere-se a veículos produzidos entre 2010 e 2014, como alguns modelos da Chrysler, o Dodge Caliber, os modelos Patriot e Compass da Jeep e o Lancia Flavia.

Segundo a empresa, o defeito que seria responsável por incidentes que provocaram três mortes e cinco feridos, impedirá a ativação dos airbags e dos pré-tensores dos cintos de segurança após um choque.

O anúncio da Chrysler surge depois da General Motors, na semana passada, e a Toyota, em Junho, terem retirado do mercado mais de 5 milhões de viaturas na sequência de defeitos no sistema de ativação dos airbags das suas viaturas.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte