Última hora

Última hora

Reino Unido: Governo aprova licença de fracking a energética privada nacional

O Executivo britânico emitiu uma licença de fracking ou fraturamento hidráulico do solo para a energética nacional Cuadrilla, que iniciará atividades no noroeste de Inglaterra.

Em leitura:

Reino Unido: Governo aprova licença de fracking a energética privada nacional

Tamanho do texto Aa Aa

Com Reuters e The Telegraph

O Governo britânico aprovou uma nova licença de fracking ou fraturamento hidráulico, uma forma de extrair combustíveis gasosos e líquidos do interior dos solos.

A empresa beneficiária é a energética independente Cuadrilla, que já veio dizer que todas as atividades de fraturamento hidráulico serão levadas a cabo com toda a segurança.

A emissão da licença por parte do Executivo contradiz uma decisão anterior do poder local, o council de Lencashire onde terão lugar as atividades.

O problema da atribuição da licença, segundo os críticos, é que o fracking terá lugar em zonas residênciais, o que poderia pôr em risco as moradias dos habitantes locais.

O Reino Unido poderia converter-se num dos principais pontos para este tipo de atividade na Europa.

Uma ideia que não é do agrado de todos.

Segundo Hannah Martin, da organização ambiental Greenpeace, a decisão demonstra que o Governo (britânico) quer obrigar o Reino Unido a aceitar o fracking, ainda que o país não esteja propriamente convencido.

“O fracking vai pôr em risco o campo e a qualidade do ar. Extrair mais combustíveis fósseis do que necessitamos ao mesmo tempo que temos a intenção de respeitar o acordo assinado em Paris é um disparate ambiental,” disse Martin.