Última hora

Oposição lituana provável vencedora da segunda volta das legislativas

As assembleias de voto da Lituânia abriram este domingo as portas para a segunda volta das eleições legislativas, na qual se prevê que os partidos de centro-direita confirmem a grande vitória da prime

Em leitura:

Oposição lituana provável vencedora da segunda volta das legislativas

Tamanho do texto Aa Aa

As assembleias de voto da Lituânia abriram este domingo as portas para a segunda volta das eleições legislativas, na qual se prevê que os partidos de centro-direita confirmem a grande vitória da primeira volta, no dia 9 de outubro.

O sistema eleitoral misto determina a eleição na primeira volta de 71 deputados por sistema proporcional, e na segunda aqueles que dos restantes 70 não obtiveram maioria absoluta na primeira.

No dia 9 de outubro foram eleitos 73 deputados, este domingo estão em jogo 68 dos 71 assentos parlamentares que se dividem por sistema maioritário em circunscrições unipessoais.

Os sociais-democratas do primeiro-ministro Algirdas Butkevicius, no poder há quatro anos, ficaram em terceiro lugar na primeira volta, ultrapassados pelos centristas e pelos conservadores.

Seis partidos ultrapassaram o limite de 5% dos votos necessário para entrar no parlamento, o que anuncia negociações complexas para formação de uma coligação.

A principal preocupação dos lituanianos são a falta de empregos, as disparidades sociais e a vaga de emigração, que em dez anos fez o país perder um décimo da população, caindo para 2,9 milhões em 2016.

Depois da adesão da Lituânia à UE em 2004, cerca de 370 mil lituanos saíram do país.