Última hora

Em leitura:

Moody's ameaça Reino Unido com despromoção face ao "Brexit"


economia

Moody's ameaça Reino Unido com despromoção face ao "Brexit"

A agência norte-americana Moody’s avisou esta quarta-feira o Reino Unido de que poderá vir a baixar a classificação do crédito britânico caso Londres não consiga um acordo de saída da União Europeia que proteja o acesso britânico ao mercado comum.

A primeira-ministra Theresa May anunciou pretender ativar até final de março o artigo 50 do Tratado de Lisboa, mecanismo que dará início de forma oficial ao “Brexit”, o processo de divórcio entre o Reino unido e a União Europeia aprovado em referendo a 23 de junho.

A Moody’s antecipa que, seja qual for o resultado da negociação entre Londres e Bruxelas, o crescimento da economia britânica irá enfraquecer a médio prazo, mas o grau de acesso ao mercado comum será decisivo para o nível de confiança no crédito britânico.

Para já, a agência norte-americana avalia o crédito do Reino Unido como “Aa1”, isto é, o nível mais alto do grau elevado a longo prazo, com risco muito baixo. Esta avaliação poderá vir a ser, contudo, gravemente afetada caso o “Brexit” venha a gerar uma barreira entre os britânicos e o mercado comum europeu.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte

economia

O futuro incerto das relações EUA-Cuba