This content is not available in your region

Polónia continua à procura respostas para a morte de Lech Kaczynski

Access to the comments Comentários
De  Nara Madeira
Polónia continua à procura respostas para a morte de Lech Kaczynski

<p>A Polónia iniciou a exumação dos restos mortais das vitimas da tragédia aérea de Smolensk, na Rússia, que ocorreu em 2010, e na qual morreram o presidente polaco, Lech Kaczynski, a mulher e outros 94 ocupantes do aparelho. </p> <p>As autoridades polacas estão mais inclinadas para a teoria de atentado e não de acidente. </p> <p>Os corpos do antigo chefe de Estado e da esposa foram os primeiros a ser exumados, com autorização do chefe de governo, o irmão gémeo de Lech Kaczynski. </p> <p>A equipa que investiga o caso é composta por peritos internacionais, entre eles um português, e procura vestígios de explosivos. </p> <p>O objetivo é fazer o mesmo com os corpos de outras vítimas mas há famílias que não querem a exumação. </p> <p>Outro entrave ao processo é o facto da Rússia se negar a devolver os restos do aparelho até ao fim da sua investigação interna.</p> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="pt"><p lang="en" dir="ltr"><a href="https://twitter.com/hashtag/Smolensk?src=hash">#Smolensk</a> <a href="https://twitter.com/hashtag/planecrash?src=hash">#planecrash</a> : <a href="https://twitter.com/hashtag/POLISH?src=hash">#POLISH</a> leader`s body to be exhumed <a href="https://t.co/xpSVkEcSNS">https://t.co/xpSVkEcSNS</a> <a href="https://t.co/vT4dfjxfhc">pic.twitter.com/vT4dfjxfhc</a></p>— Gunel_Beva (@CurrentNews_EN) <a href="https://twitter.com/CurrentNews_EN/status/798421891899858948">15 de novembro de 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script>