EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Polónia continua à procura respostas para a morte de Lech Kaczynski

Polónia continua à procura respostas para a morte de Lech Kaczynski
Direitos de autor 
De  Nara Madeira
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A Polónia iniciou a exumação dos restos mortais das vitimas da tragédia aérea de Smolensk, na Rússia, que ocorreu em 2010, e na qual morreram o presidente polaco, Lech Kaczynski, a mulher e outros 94

PUBLICIDADE

A Polónia iniciou a exumação dos restos mortais das vitimas da tragédia aérea de Smolensk, na Rússia, que ocorreu em 2010, e na qual morreram o presidente polaco, Lech Kaczynski, a mulher e outros 94 ocupantes do aparelho.

As autoridades polacas estão mais inclinadas para a teoria de atentado e não de acidente.

Os corpos do antigo chefe de Estado e da esposa foram os primeiros a ser exumados, com autorização do chefe de governo, o irmão gémeo de Lech Kaczynski.

A equipa que investiga o caso é composta por peritos internacionais, entre eles um português, e procura vestígios de explosivos.

O objetivo é fazer o mesmo com os corpos de outras vítimas mas há famílias que não querem a exumação.

Outro entrave ao processo é o facto da Rússia se negar a devolver os restos do aparelho até ao fim da sua investigação interna.

#Smolensk#planecrash : #POLISH leader`s body to be exhumed https://t.co/xpSVkEcSNSpic.twitter.com/vT4dfjxfhc

— Gunel_Beva (@CurrentNews_EN) 15 de novembro de 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

A China e a Polónia lançam a primeira ligação ferroviária regular, relançando a rota comercial da Rota da Seda

Polónia assina acordo de segurança com a Ucrânia e vai treinar tropas de Kiev

Polónia: Explosão em fábrica de armamento provoca 1 morto