Última hora

Em leitura:

Liga dos Campeões: Porto vulgariza campeão inglês, Sporting desilude em Varsóvia


Desporto

Liga dos Campeões: Porto vulgariza campeão inglês, Sporting desilude em Varsóvia

Disse em tempos Cristiano Ronaldo que os golos eram como o ketchup e que quando surgiam, surgiam todos de uma vez. As últimas semanas do FC Porto parecem confirmar isso mesmo. Depois de cinco jogos a sofrer para encontrar o caminho do golo, Rui Pedro quebrou o jejum nos descontos frente ao Sporting de Braga.

Esta quarta-feira, no Estádio do Dragão, a equipa azul-e-branca vulgarizou o campeão inglês e presenteou o Leicester com uma mão cheia de golos. É verdade que a equipa de Claudio Ranieri, já com a vitória no grupo G garantida, se apresentou desfalcada das suas principais figuras mas a principal diferença esteve mesmo nos jogadores portistas, que jogaram como se lhes tivessem tirado um peso enorme das costas.

André Silva, com dois golos e uma assistência, voltou a brilhar no ataque. Corona, Brahimi e Diogo Jota também fizeram o gosto ao pé. O triunfo valeu um lugar nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões à custa do Copenhaga, que foi a Brugges vencer por 2-0 mas terá de se contentar com a Liga Europa.

Sporting desilude em Varsóvia e nem à Liga Europa vai

Em Varsóvia, o Sporting foi uma sombra de si próprio e foi eliminado por uma equipa manifestamente inferior. Um empate era suficiente para a equipa leonina carimbar o passaporte para a Liga Europa mas foi o Legia quem fez a festa no final do encontro. Guilherme, um velho conhecido do futebol português, apontou o tento solitário do encontro.

O Sporting deu 45 minutos de avanço aos polacos e quando tentou reagir, já era demasiado tarde. Criou oportunidades suficientes para dar a volta ao marcador no segundo tempo mas os atacantes leoninos estiveram desastrados na finalização. O único jogador que esteve ao seu nível habitual foi Rui Patrício, que evitou mesmo uma derrota por números mais pesados.

O grupo F foi ganho pelo Borussia Dortmund, que anulou uma desvantagem de dois golos no Santiago Bernabéu para impor um empate ao Real Madrid.

Lyon fica pelo caminho

O Lyon precisava de derrotar o Sevilha por dois golos de diferença para seguir em frente na liga milionária mas nem um conseguiu fazer. O encontro terminou empatado a zero. O primeiro lugar do grupo H já estava entregue à Juventus, que recebeu e venceu o Dínamo Zagreb por dois golos sem resposta.

O Mónaco, com a vitória no grupo E garantida, foi derrotado em Leverkusen por três golos sem resposta. A única dúvida prendia-se com o lugar de acesso à Liga Europa. O Tottenham até esteve em desvantagem frente ao CSKA de Moscovo mas deu a volta ao marcador e venceu por três bolas a uma. Os russos ficam assim pelo caminho.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Desporto

Novak Djokovic e Boris Becker terminam parceria