Última hora

Em leitura:

Ataque em Berlim: A cronologia dos acontecimentos (primeiras 24 horas)


Alemanha

Ataque em Berlim: A cronologia dos acontecimentos (primeiras 24 horas)

O que sabemos:

  • Polícia acredita num “ataque deliberado” contra o mercado de Natal de Breitscheidplatz, no centro de Berlim, Alemanha;
  • Indícios recolhidos apontam para “ato terrorista”;
  • Balanço oficial de vítimas: 12 mortos, 48 feridos;
  • Um suspeito detido, identificado como requerente de asilo oriundo do Paquistão, nega envolvimento no caso;
  • Responsável do ataque pode estar ainda a monte.


  • 20:15, Berlim (19:15, em Lisboa): um camião, aparentemente desgovernado, sobe o passeio na Breitscheidplatz, no antigo centro de Berlim ocidental, abalroa um mercado de Natal e atropela a multidão;

  • Instala-se o caos e o pânico na zona, onde se encontravam muitos turistas e dezenas de pessoas desfrutavam do fim de mais um dia de trabalho na capital alemã;
  • Um suspeito foge do local, informa a polícia berlinense;
  • O primeiro balanço oficial de vítimas apontava para “nove mortos e dezenas de feridos”;

  • Pelas redes sociais, as autoridades são rápidas a reagir e a alertar as pessoas para ficarem em casa e evitarem as ruas na zona de Breidscheiplatz, onde se situa um importante monumento berlinense, a Igreja Memorial do Imperador Guilherme, destruída durante a II Guerra Mundial, mas ainda parcialmente de pé e conhecida como o “dente oco”;
  • Vídeos amadores e fotografias do local começam a invadir as redes sociais, a teoria de se tratar de um atentado terrorista aumenta os receios;
  • A polícia apela à contenção dos internautas na partilha de vídeos e fotos da ocorrência, pedindo respeito pela privacidade das vítimas;
  • 21:57: a polícia anuncia a detenção de um suspeito nas redondezas, que mais tarde viria a ser identificado como um requerente de asilo (refugiado) paquistanês, de 23 anos, registado num centro de acolhimento improvisado no antigo aeroporto de Templehof;

  • A rede social Facebook ativou a aplicação “controlo de segurança” para que os utilizadores em Berlim pudessem informar os “amigos” que estavam em segurança e a polícia berlinense promoveu esta ferramenta virtual;

  • É informado que o camião tem matrícula polaca, estava carregado com cabos de aço e revelada a suspeita de que a viatura poderia ter sido roubada;
  • 01:49: o balanço oficial de vítimas é atualizado para 12 mortos e 48 feridos;

  • Um cidadão polaco foi encontrado morto no interior da viatura e, pelas 04:35, a polícia revela não se tratar da pessoa que conduzia o camião, sem esclarecer as causas da morte deste indivíduo;
  • 05:51: os investigadores revelam a suspeita de este ter sido um ato deliberado.

  • O proprietário do camião confirma o cidadão polaco morto como sendo o condutor responsável pelo camião, mas revela informação que levanta a suspeita de a viatura ter sido tomada à força a meio da tarde;
  • 08:53: O Procurador-geral federal assume a liderança da investigação;

  • As forças especiais da polícia alemã realizam buscas no centro de acolhimento de refugiados do aeroporto de Templehof;
  • O ministro do Interior, Thomas de Maiziére, declara dia de luto nacional e anuncia o encerramento esta terça-feira de todos os mercados de Natal em Berlim em sinal de respeito pelas vítimas, mas acrescenta que no resto da Alemanha os mercados irão continuar a funcionar, com o natural reforço de segurança a ser decidido pelas autoridades locais.
  • 13:15: Suspeito detido após o ataque “nega envolvimento” no sucedido na Breitschreidplatz. Polícia assume-se “vigilante” perante a possibilidade de o responsável continuar a monte.
Turquia: Homem detido após disparos de "shotgun" junto à embaixada norte-americana em Ancara

Turquia

Turquia: Homem detido após disparos de "shotgun" junto à embaixada norte-americana em Ancara