Última hora

Em leitura:

Turquia aprova artigos da Constituição que outorgam mais poder de Erdoğan


Turquia

Turquia aprova artigos da Constituição que outorgam mais poder de Erdoğan

O presidente turco, Recep Tayyip Erdoğan, disse, esta sexta-feira, que um cenário de eleições antecipadas, por agora, não está descartado se o Parlamento se encontrar “incapaz de trabalhar”.

As declarações de Erdoğan aos jornalistas ecoaram numa altura em que se discutem alterações constitucionais que abrem a porta a uma mudança do sistema governamental para o presidencialismo.

“Nunca pensámos que seria bom ter eleições antecipadas, mas a questão agora na agenda é bastante diferente. Não se trata de uma questão que surgiu durante períodos estáveis. Se o Parlamento já não funcionar então podem considerar-se, claro está, tais coisas”, referiu Erdoğan.

Entre confrontos, o Parlamento turco já aprovou oito dos 18 artigos da controversa reforma constitucional. Esta sexta-feira deu “luz verde” a três artigos, entre eles o que outorga mais poder ao presidente do país.

Na segunda-feira, em Ancara, a polícia turca dispersou centenas de manifestantes que se concentraram em frente ao Parlamento em protesto contra os planos de reforma constitucional. Foi nesse dia que se começou a discutir a revisão, que precisa de pelo menos 330 votos para ser submetida a referendo.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Iraque

Soldados iraquianos controlam a universidade de Mosul