Última hora

Última hora

Ucrânia: Explosão mata líder rebelde Mikhaïl Tolstykh

Com o nome de guerra "Guivi", Mikhaïl Tolstykh foi vítimas de uma explosão no quartel-general do batalhão dos rebeldes ucranianos prórussos que comandava em Donetsk.

Em leitura:

Ucrânia: Explosão mata líder rebelde Mikhaïl Tolstykh

Tamanho do texto Aa Aa

Era um dos líderes dos rebeldes russos em Donetsk, na Ucrânia, e foi abatido esta quarta-feira. Mikhaïl Tolstykh, de 36 anos, estava no escritório no quartel-general do batalhão que comandava quando foi vítima de uma violenta explosão.

A origem ainda não é conhecida mas responsáveis da autoproclamada República Popular de Donetsk afirma ter sido um “ataque terrorista”.

Moscovo também reagiu. O porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, afirma tratar-se de uma tentativa para desestabilizar a região ucraniana de Donbass, em parte controlada pelos rebeldes.

Com o nome de guerra “Givi”, o líder do Batalhão “Somália” foi um dos comandantes rebeldes da famosa batalha pelo aeroporto de Donetsk em 2015.

A morte acontece no período de uma acalmia nos combates no leste ucraniano, após um recrudescimento da violência há cerca de duas semanas que originou pelo menos 35 mortos.

Vários chefes rebeldes foram abatidos em circunstâncias idênticas nos últimos tempos.